domingo, outubro 2, 2022

Bolsonaro muda e diz que se ‘Lula for, vou junto com ele’ para debate no 1º turno

Ao visitar as obras da ponte de integração entre Brasil e Paraguai, no Paraná, na sexta-feira (3), o presidente Jair Bolsonaro (PL) desafiou o pré-candidato à Presidência da República pelo PT, Luiz Inácio Lula da Silva, para um debate no primeiro turno das eleições.
Questionado sobre os debates, em um primeiro momento, Bolsonaro disse que ainda não sabia se participaria dos eventos com outros pré-candidatos ao pleito eleitoral. “Eu não sei, primeiro vou analisar”. No último dia 31, Bolsonaro alegou que evitaria os debates no primeiro turno das eleições para não levar “pancada” o tempo todo por parte dos candidatos.
Em seguida, passou a atacar o opositor petista colocando em dúvida as pesquisas que mostram Lula na dianteira.
“Não consigo entender o outro lado ter 40% de intenção de votos. O cara não consegue ir a rua para nada, nem para entrar num botequim”, alfinetou.
O presidente foi novamente perguntado se participaria dos debates em primeiro turno e rebateu que não comparecer poderia ser uma “questão de estratégia”, já que ex-presidentes fizeram o mesmo. Em 2006, Lula também não participou quando concorreu à reeleição. Assim como Fernando Henrique Cardoso em 1998.
“Vou ver. Isso é questão de estratégia no momento. Eu não quero assumir um compromisso agora e depois não cumprir lá na frente. Nunca um presidente, pelo que eu tenho conhecimento, participou no primeiro turno de um debate. Vamos esperar. Talvez eu compareça”.
Por fim, emendou: “Eu fecho agora: Se Lula for, eu vou junto com ele”, bradou.
Fonte: Bahia. Ba
ULTIMAS NOTÍCIAS
- Anúncio -
- Anúncio -spot_img
- Anúncio -spot_img
- Anúncio -spot_img

veja também