segunda-feira, setembro 26, 2022

TRE lança ferramenta de serviços no WhatsApp para facilitar emissão de título

O Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) e o aplicativo de mensagens instantâneas WhatsApp firmam, nesta quarta-feira (30), uma parceria inédita para o atendimento de eleitores e candidatos. O documento foi assinado pelo presidente do TRE-BA, desembargador Roberto Maynard Frank, e pelo diretor de políticas públicas do WhatsApp no Brasil, Dario Durigan. Esta será a primeira vez que o aplicativo assina parceria com a Justiça Eleitoral em âmbito regional.

 

Através da parceria, os eleitores poderão utilizar os serviços do Núcleo de Atendimento Virtual ao Eleitor (NAVE), pelo aplicativo Whatsapp. Para isso, basta salvar na agenda o telefone (71) 3373-7000  ou clique aqui para ser redirecionado. O mesmo número já é utilizado pelo TRE para agendamento de atendimento presencial para eleitores, e ainda resolver demandas por telefone. As ferramentas da inteligência artificial Maia já estão disponíveis para os eleitores no site do TRE e também no aplicativo Telegram.

 

Segundo o presidente do Regional, desde que ele começou a pensar em utilizar ferramentas de inteligência artificial na Justiça Eleitoral da Bahia para desburocratizá-la, imaginou a possibilidade de unificar os serviços da Maia com o aplicativo do Whatsapp. “Alguns pensavam que fosse um devaneio, e hoje nós temos a Maia ligada ao Whatsapp”, comentou. Roberto Frank acrescenta que a ferramenta pode resolver qualquer tipo de pendência, rapidamente, sem burocracia. “Com essa parceria, vamos difundir e propagar o exercício da cidadania”, declarou.

 

Ainda na coletiva, o presidente informou que fez uma busca no Google para saber quem era a pessoa que responderia pelo Whatsapp no Brasil que pudesse firmar a parceria com o TRE da Bahia. O contato inicial foi feito por e-mail, quando o TRE encaminhou um ofício apresentando o projeto e propondo a integração da ferramenta para alcançar o maior número de eleitores possíveis.

O Whatsapp possuía, até então, parceria apenas com dois tribunais no mundo: um na Índia e outro com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE). A parceria é gratuita, sem qualquer tipo de custo para os cofres públicos do Estado.

 

Através do Whatsapp, os eleitores poderão ter acesso a serviços como: título de eleitor; emissão de certidões; informações sobre Mesários; justificar ausência de voto; pagar multas eleitorais; ter acesso a demais pagamentos e ressarcimentos; obter contato das zonas eleitorais; fazer denúncias, reclamações ou elogios; ter acesso ao protocolo de segurança contra a Covid-19; ter acessibilidade, através de atendimento em vídeo com intérprete na Língua Brasileira de Sinais (Libras); checar informações através da página Fato ou Boato; e ainda falar diretamente com um atendente humano.

 

ULTIMAS NOTÍCIAS
- Anúncio -
- Anúncio -spot_img
- Anúncio -spot_img
- Anúncio -spot_img

veja também