01 mar 2024

Ao menos 74 morrem após avião que levava prisioneiros da Ucrânia cair na Rússia

Ao menos 74 pessoas morreram após a queda de um avião militar da Rússia que transportava prisioneiros de guerra da Ucrânia. O acidente ocorreu nesta quarta-feira (24) perto da fronteira entre os países, de acordo com o Ministério da Defesa russo, mencionado pela agência RIA-Novosti. A causa da queda é incerta.
Segundo o jornal Folha de S. Paulo, a aeronave de modelo Ilyushin Il-76 levava 65 prisioneiros ucranianos, além de seis tripulantes russos acompanhados de mais três pessoas. A queda ocorreu em Belgorodo, região na Rússia atacada com frequência pelas forças de Kiev.
Andrei Kartapolov, legislador do Parlamento russo e general aposentado, disse durante uma sessão parlamentar que o avião havia sido abatido por três mísseis. Ele não disse qual era a fonte da informação.
Um vídeo publicado no aplicativo de mensagens Telegram pelo Baza, canal ligado aos serviços de segurança russo, mostrou a aeronave caindo perto da aldeia de Iablonovo, na região de Belgorodo, e explodindo em uma vasta bola de fogo.
Não há informações sobre a identidade dos prisioneiros que estavam a bordo nem da tripulação russa. Moscou e Kiev fazem trocas de prisioneiros com frequência desde o início da Guerra da Ucrânia.
Fonte: Bahia. Ba
DESTAQUE
spot_img
spot_img
spot_img
spot_img
spot_img
spot_img