18 maio 2024

Comarca de Capim Grosso agenda mais três júris populares para o mês de maio

Continuando o andamento dos processos e júris pendentes, o Juiz da Comarca de Capim Grosso, Dr. Marcus Vinicius, agendou para os dias 14, 15 e 17 de maio os julgamentos via júri popular de três acusados de homicídio, incluindo um caso que envolve o assassinato do jovem empresário Edipo, proprietário de uma loja de celulares, ocorrido no calçadinho do centro de Capim Grosso.

RESUMO DOS JULGAMENTOS DO MÊS DE MAIO
DIA 14/05/2024 às 08h30min
No Tribunal do Júri da Comarca de Capim Grosso-BA, será julgado o réu ANTÔNIO MARCOS NAZIOZENO JÚNIOR pelo crime de homicídio tentado contra o Sr. Antônio Carneiro Bispo Filho. O crime ocorreu nas proximidades da UPA de Capim Grosso-BA, em 25 de agosto de 2022, às 23h30min. Antonio Marcos Naziozeno de Jesus Júnior é acusado nos termos do artigo 121, § 2º, incisos II do Código Penal. A defesa será conduzida pela Dra. Ludmilla Santos Rios, e a acusação pelo Dr. Davi Gallo Barouh, promotor titular da 2ª Promotoria do Tribunal do Júri da Capital.
DIA 15/05/2024 às 08h30min
No Tribunal do Júri da Comarca de Capim Grosso-BA, será julgado o réu ANTÔNIO MARCOS NAZIOZENO JÚNIOR pelo crime de homicídio tentado contra o Sr. Antônio Carneiro Bispo Filho e por erro de execução que atingiu o menor V.G.S. C. O crime ocorreu na Borracharia Vitória, Bairro São Luís, Capim Grosso-BA, em 10 de agosto de 2022, às 18h20min. Antonio Marcos Naziozeno de Jesus Júnior é acusado nos termos do artigo 121, § 2º, incisos II, IV e IX do Código Penal. A defesa será conduzida pela Dra. Ludmilla Santos Rios, e a acusação pelo Dr. Davi Gallo Barouh, promotor titular da 2ª Promotoria do Tribunal do Júri da Capital.
DIA 17/05/2024 às 08h30min
No Tribunal do Júri da Comarca de Capim Grosso-BA, será julgado o réu MATEUS GOMES DA SILVA, conhecido como (GTA), pelo homicídio que vitimou o jovem Edipo Almeida Borges, proprietário da loja Dr. Cell. O crime ocorreu no Calçadinho, Centro, Capim Grosso, em 14 de fevereiro de 2023, às 11h45min. Mateus Gomes da Silva é acusado nos termos do artigo 121, § 2º, incisos III e IV do Código Penal. A defesa será conduzida pela Dra. Ludmilla Santos Rios, e a acusação pelo Dr. Davi Gallo Barouh, promotor titular da 2ª Promotoria do Tribunal do Júri da Capital.

Fonte: FR Notícias/informações Comarca de Capim Grosso
DESTAQUE
spot_img
spot_img
spot_img
spot_img
spot_img
spot_img