20 maio 2024

Médico e irmão de prefeito é detido por suspeita de agredir a noiva

O irmão do prefeito de Maceió (AL), João Henrique Caldas (JHC), o médico João Antônio Caldas foi detido na noite desse sábado (18), após brigar com a noiva, uma cirurgiã-dentista. A Polícia Militar precisou negociar a rendição dele. João Caldas foi conduzido à delegacia, mas a vítima desistiu de prestar queixa.
As supostas agressões teriam ocorrido em um apartamento localizado no bairro de Jatiúca, Alagoas, por volta de 22h25. “A vítima ligou para denunciar suposta violência doméstica. Chegando ao local, a equipe viu uma porta quebrada e a moça amedrontada. O João estava trancado no quarto e tivemos que negociar para leva-lo à DP”, explicou o PM.
Ainda de acordo com o policial, o casal foi conduzido à central de flagrantes, mas a mulher não quis denunciar o companheiro. Contou, apenas, que queria pegar as suas coisas no quarto e foi impedida pelo médico. Ela não pediu medidas protetivas. Após os depoimentos, João Caldas foi liberado.
O médico foi candidato a deputado federal, nas eleições de 2022, mas não conseguiu ser eleito. O nome político usado por ele — Dr. JHC — teria sido sugestão do prefeito de Maceió que disse, durante a campanha, confiar plenamente no irmão e acreditar que ele daria continuidade ao trabalho feito por João Henrique na Câmara dos Deputados.
Fonte: Bahia. Ba
DESTAQUE
spot_img
spot_img
spot_img
spot_img
spot_img
spot_img